Ver todas as notícias

31_12_2022__0_6_1_2020__0_Procurados Novo.jpg - uploaded/imgs/noticias/31_12_2022__0_6_1_2020__0_Procurados Novo.jpg - Policiais da RECAP, com a ajuda do Disque Denúncia, prenderam o chefe do tráfico de drogas do Morro do Juramento


Policiais da RECAP, com a ajuda do Disque Denúncia, prenderam o chefe do tráfico de drogas do Morro do Juramento

31/12/2022



Policiais penais da Divisão de Recaptura (RECAP), da Secretária de Estado de Administração Penitenciária (SEAP), com base em informações repassadas pelo Disque Denúncia, prenderam no final da tarde de ontem (30), Renato da Costa Júnior, vulgo “Renatinho do Jacaré”, de 32 anos.

De acordo com a polícia, ele é o chefe do tráfico de drogas do Morro do Juramento, em Vicente de Carvalho, na Zona Norte do Rio, e foi localizado próximo à estação de Tomás Coelho, também na Zona Norte.

Ainda segundo os agentes, atualmente, ele controlava as vendas de drogas no Juramento, em substituição ao traficante Hevelton Nascimento Junior, vulgo “Bad Boy”, morto em uma ação policial do 41º BPM (Irajá), no início deste mês.

Evadido do Sistema Prisional desde 2021, contra ele havia um mandado de prisão, expedido pela Vara de Execuções Penais (VEP), pelo crime de Roubo. Constam ainda, em sua ficha criminal, as práticas dos crimes de Sequestro e Cárcere Privado, Receptação, Porte Ilegal de Armas e Roubo Majorado - concluiu a polícia.

Após ser dada voz de prisão, Renato da Costa foi levado até a 22ª DP (Penha) para o cumprimento do mandado de prisão. Em seguida, ele foi encaminhado para uma unidade prisional da SEAP, onde ficará à disposição da Justiça.

 


Ajude a Polícia e conte com o Disque Denúncia!

Denuncie a localização de foragidos da Justiça, de forma anônima, ao Disque Denúncia:

Central de atendimento - 21.2253 1177

WhatsApp - 21.99973 1177

Aplicativo: Disque Denúncia RJ



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.