Ver todas as notícias

30_7_2019__1_6550bc57-6075-4742-8dcd-f70163a8f437.jfif - uploaded/imgs/noticias/30_7_2019__1_6550bc57-6075-4742-8dcd-f70163a8f437.jfif - Denúncia do Linha Verde leva polícia a apreender cerca de 200 tubos de linha chilena em Mesquita


Denúncia do Linha Verde leva polícia a apreender cerca de 200 tubos de linha chilena em Mesquita

30/7/2019



Nesta segunda-feira (29), a partir de informações repassadas pelo Linha Verde (0300 253 1177), programa do Disque Denúncia do Rio voltado para meio ambiente, policiais militares apreenderam cerca de 200 tubos de linha chilena na baixada fluminense.

Na Rua Rosimere Saddi, em Cosmorama, onde a denúncia informava que no local funcionava uma fábrica clandestina de cerol e linha chilena, os policiais  encontraram, dentro do imóvel, dois sacos contendo 30 tubos de linha chilena, quatro vezes mais perigosa e nociva do que o cerol. Questionado pelos policiais militares, o responsável informou que comercializava o material juntamente com diversas pipas que produzia. Ao final da operação, que ocorreu também em um outro ponto de Mesquita, no bairro Jardim Meriti, a polícia conseguiu apreender cerca de 100 tubos de linha chilena e o responsável foi encaminhado à 54ª DP, com base no artigo 56 da lei de crimes ambientais. Em 2019, o Linha Verde já cadastrou mais de 280 denúncias sobre linha chilena e cerol.

Vale reforçar que a população pode continuar denunciando locais de fabricação e comercialização de cerol e linha chilena ao Linha Verde, pelos telefones 2253 1177 e 0300 253 1177(interior do estado, custo de ligação local) ou ainda pelo aplicativo “Disque Denúncia RJ”. O anonimato é garantido ao denunciante.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.