Ver todas as notícias

23_7_2019__0_Procurados (minimizado) 3.jpg - uploaded/imgs/noticias/23_7_2019__0_Procurados (minimizado) 3.jpg - Torturador de idosa é preso por policias do 16º BPM na comunidade da Kelson’s após informações do Disque Denúncia


Torturador de idosa é preso por policias do 16º BPM na comunidade da Kelson’s após informações do Disque Denúncia

23/7/2019



Policiais Militares do 16º BPM – Olaria – prenderam na manhã desta terça-feira (23) na Rua José Sarney, na comunidade da Kelson, na Penha, Zona Norte do Rio, Douglas de Jesus Lima, o Tuta, de 28 anos. Ele é um dos acusados de envolvimento na tortura de uma idosa de 66 anos, dentro da própria casa, na noite do 20 de fevereiro do ano passado, por traficantes da Favela Kelsons. Os policiais chegaram até o traficante através de informações passadas ao Disque Denuncia (2253-1177)

No dia do crime, os traficantes invadiram a residência da vítima e a agrediram depois de acusá-la de ser X-9, termo usado para designar pessoas que são informantes da polícia. À época agentes da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC), receberam a denúncia e conseguiram resgatar a mulher com vida. Os agentes receberam a denúncia sobre a idosa por volta das 22h, quando as equipes já haviam deixado a favela. A especializada, com o apoio da DECOD e CORE, realizou uma nova incursão no local e conseguiu encontrar a senhora. 

Ela contou aos policiais que foi espancada com socos, chutes e coronhadas e teve parte de seu cabelo cortado com uma faca. A vítima disse ainda que tomou choques pelo corpo. Os criminosos a ameaçaram também com uma arma e chegaram a colocar uma granada dentro de sua boca. Por final eles ainda sugeriram introduzir um pedaço de madeira no ânus da vítima. 

Após ser resgatada pela equipe da DRFC, a idosa foi medicada. Ela era é catadora de lixo, morava sozinha e não prestava nenhuma ajuda à polícia, como suspeitavam os bandidos. 

Contra o acusado havia um mandado de prisão, pela 17ª Vara Criminal da Capital, sob nº 0064518-64.2018.8.19.0001, pelo crime de Crimes de Tortura (Art. 1º - Lei 9.455/97), I, alínea "a", §4º II; Associação Para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), IV; Organização Criminosa (Lei 12.850/2013), ART. 2º, §2º e 3º; Corrupção de Menores - Eca (Lei 8.069/90 - Art. 244 B) N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp), com pedido de Prisão Preventiva.  
 

 

Jorge Braga dos Santos, Daniel Junio Nascimento da Silva e Bruno de Jesus, os outros três envolvidos, ainda continuam foragidos. 

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização dos acusados, ainda em liberdade, favor informar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/; ou pelo aplicativo Disque Denúncia RJ. 



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.