Ver todas as notícias

19_4_2018__1_ae698b25-59d2-4b20-a869-72fead09eacc.jpg - uploaded/imgs/noticias/19_4_2018__1_ae698b25-59d2-4b20-a869-72fead09eacc.jpg - Policiais Militares da 2ª UPAm resgatam pássaros silvestres de cativeiro na Zona Oeste do Rio


Policiais Militares da 2ª UPAm resgatam pássaros silvestres de cativeiro na Zona Oeste do Rio

19/4/2018



Uma mulher foi encaminhada à delegacia nesta quarta-feira (18) por manter pássaros da fauna silvestre em cativeiro e sem autorização dos órgãos ambientais em Santa Cruz, na Zona Oeste.

Segundo os policiais da 2ª UPAm (Móvel), a identificação do local só foi possível por conta de informações recebidas através do programa Linha Verde, canal do Disque Denúncia específico para se denunciar crimes ambientais. Quando a equipe chegou em uma residência localizada na Travessa Ferreira, fizeram contato com a moradora e, durante a fiscalização, foram encontrados quatro coleiros, dois tizius e um canário da terra, todos sem anilhas de identificação junto ao IBAMA. Por esse motivo, ela foi levada à 36ª DP para prestar esclarecimentos enquanto que os pássaros foram encaminhados ao Comando de Polícia Ambiental e depois serão transferidos ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), onde após tratamento serão devolvidos ao seu habitat natural.

Vale ressaltar que desde o início do ano, o Linha Verde já cadastrou mais de 200 denúncias sobre guarda e comércio de pássaros silvestres, auxiliando a polícia a libertar cerca de 200 animais silvestres de cativeiro. Esse tipo de ilícito além de outros crimes ambientais podem ser denunciados através dos telefones (21) 2253 1177 e 0300 253 1177 (custo de ligação local). Você pode denunciar também através do aplicativo “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares, onde é possível enviar fotos e vídeos, sempre coma garantia do anonimato.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque-Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque-Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.