Ver todas as notícias

12_12_2017__0_76df34c1-f71a-4057-8c50-1daf408a8139.jpg - uploaded/imgs/noticias/12_12_2017__0_76df34c1-f71a-4057-8c50-1daf408a8139.jpg - Policiais Ambientais da 1ª UPAm, encontram sítio com vestígios de desmatamento e movimentação do solo após denúncia


Policiais Ambientais da 1ª UPAm, encontram sítio com vestígios de desmatamento e movimentação do solo após denúncia

12/12/2017



Policiais Militares da 1ª Unidade de Policiamento Ambiental (UPAm) Pedra Branca, localizaram nesta segunda-feira (11), uma área de 5 mil metros quadrados com vestígios de desmatamento em Guaratiba, na Zona Oeste. Segundo os agentes, o local foi identificado após recebimento de denúncia vinda do Linha Verde, programa do Disque Denúncia específico para que a população denuncie crimes ambientais.

No endereço sinalizado na denúncia, na Rua Itumirim, os policiais verificaram que havia uma obra de drenagem e limpeza de um valão, feita por funcionários da Prefeitura e, no local ao lado havia um sítio contendo grande movimentação de solo e desmatamento em uma área de  cinco mil metros quadrados, considerada área urbana. Por não conseguirem identificar os responsáveis pelos ilícitos, se dirigiram à 43ª DP, onde a ocorrência foi registrada com base no artigo 38 da Lei de Crimes Ambientais (9605/98).

O Linha Verde solicita a população que continue denunciando ilícitos ambientais em todo o Estado do Rio através dos telefones 0300 253 1177 (interior, custo de ligação local), 2253 1177 (capital), ou através de seu aplicativo para celulares “Disque Denúncia RJ”, onde usuários com sistema operacional Android ou IOS podem denunciar anexando fotos e vídeos, também com a garantia do anonimato. A população pode também conhecer e curtir o Linha Verde no facebook, através do endereço: www.facebook.com/linhaverdedd.

Linha Verde, o Disque Denúncia do Meio Ambiente.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque-Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque-Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.