Ver todas as notícias

19_7_2022__0_0a598d6b-0d57-40b1-ac48-d3bd4e2fe287.jpg - uploaded/imgs/noticias/19_7_2022__0_0a598d6b-0d57-40b1-ac48-d3bd4e2fe287.jpg - Abertura de estrada, extração irregular mineral e supressão de vegetação são flagrados em Paraty após denúncia ao Linha Verde


Abertura de estrada, extração irregular mineral e supressão de vegetação são flagrados em Paraty após denúncia ao Linha Verde

19/7/2022



Diversos crimes ambientais foram identificados por policiais militares nesta terça-feira (19) no bairro Souza, em Paraty, após os agentes do Comando de Polícia Ambiental terem recebido denúncias encaminhadas pelo Linha Verde (0300 253 1177) – programa do Disque Denúncia voltado para meio ambiente.

Segundo os agentes lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual da Juatinga, a denúncia mencionava a abertura de estrada, corte de árvores e extração irregular de pedras. A mesma denúncia tinha sido encaminhada pelo Linha Verde à Prefeitura local, mas não houve retorno. Durante a fiscalização no KM 10,5 da Estrada Paraty Cunha, o proprietário pelo terreno, ao tomar conhecimento da denúncia, autorizou a entrada dos policiais militares. No local, foi constatada a abertura irregular de uma estrada, movimentação do solo e a supressão de diversas árvores, degradando uma área com cerca de mil metros quadrados. Ainda segundo os agentes da 4ª UPAm, foi verificada a pavimentação com uso de cimento, de aproximadamente 70 metros dessa estrada além de encontrarem diversas pedras extraídas e cortadas, tudo com indícios de utilização de pólvora, totalizando 10 metros cúbicos de pedras. Como o terreno encontra-se na Zona de Amortecimento do Parque Nacional da Serra Branca, em uma área de preservação permanente, já que há um rio nas proximidades medindo 15 metros de largura, a atividade ali realizada torna-se crime, tipificado na lei 12.651/12, em seu artigo 4º. Os policiais questionaram o responsável sobre as licenças ambientais e por não as possuir, ele foi encaminhado à 167ª DP, onde a ocorrência foi registrada.

O Linha Verde reforça a solicitação para que em Paraty, a população denuncie crimes ambientais exclusivamente através dos telefones 0300 253 1177 (interior, custo de ligação local) ou 2253 1177 (capital), pelo do APP “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares ou ainda pelo WhatsApp (21) 99973-1177. É possível denunciar também através da página do Linha Verde no facebook, www.facebook.com/linhaverdedd ou ainda pelo site do Disque Denúncia (www.disquedenuncia.org.br). Lembrando que em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

LINHA VERDE, o Disque Denúncia do Meio Ambiente



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.