Ver todas as notícias

12_10_2021__0_Pássaros em Campo Grande 12-10 (2).jpg - uploaded/imgs/noticias/12_10_2021__0_Pássaros em Campo Grande 12-10 (2).jpg - Aves são resgatadas de cativeiro por policiais da UPAm Pedra Branca


Aves são resgatadas de cativeiro por policiais da UPAm Pedra Branca

12/10/2021



Com auxílio de pelo menos duas denúncias encaminhadas pelo programa Linha Verde (0300 253 1177) – o Disque Denúncia do Meio Ambiente – policiais militares lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual da Pedra Branca realizaram nesta terça-feira (12) duas ações de fiscalização em Campo Grande e Nova Iguaçu, onde resgataram nove pássaros da fauna silvestre brasileira de cativeiro.

Na primeira ocorrência, no bairro de Campo Grande, os agentes da 1ª UPAm identificaram que na residência denunciada, localizada na Rua Reverendo José Drummond, havia três gaiolas penduradas na frente do imóvel, porém, foram feitas tentativas de contato com o proprietário, mas sem sucesso. Na mesma rua os policiais encontraram pelo menos mais cinco gaiolas penduradas, também sem que fosse possível identificar os responsáveis. A ocorrência foi registrada na 35ª DP enquanto as aves foram transportadas para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) em Seropédica.

Já na segunda ocorrência que também foi realizada graças a uma informação do programa Linha Verde, os agentes foram ao bairro Cerâmica, em Nova Iguaçu, onde, segundo a denúncia, haveria a criação de um papagaio sem as licenças necessárias. Durante a fiscalização no interior do imóvel, a equipe da 1ª UPAm confirmou a existência da ave e, segundo o responsável, não haveria nenhuma documentação pertinente ao animal visto que ele apareceu ali e o mesmo estaria procurando algum órgão ambiental para a entrega do papagaio. Diante dos fatos, procederam à 58ª DP, para o registro da ocorrência.

O Linha Verde reforça a solicitação para que a população continue denunciando crimes ambientais em todo o Estado do Rio através dos telefones 0300 253 1177 (custo de ligação local) e (21) 2253 1177, além do APP “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares. Por essa modalidade, o denunciante pode enviar fotos e vídeos, com a garantia do anonimato. É possível denunciar também através da página do Linha Verde no facebook, www.facebook.com/linhaverdedd ou ainda pelo site do Disque Denúncia (www.disquedenuncia.org.br). Lembrando que em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

LINHA VERDE, o Disque Denúncia do Meio Ambiente



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.