Ver todas as notícias

20_9_2021__0_IMG-20210316-WA0037.jpg - uploaded/imgs/noticias/20_9_2021__0_IMG-20210316-WA0037.jpg - Gerente do tráfico de drogas do Jacarezinho e Manguinhos é preso com ajuda do Disque Denúncia


Gerente do tráfico de drogas do Jacarezinho e Manguinhos é preso com ajuda do Disque Denúncia

20/9/2021



Policiais Militares da 2ª Unidade de Polícia Pacificadora – UPP/Rocinha, da Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), com informações do Disque Denúncia (21.2253 1177), prenderam, na noite de ontem (19), Nelson Adriano de Sá, o "Adriano do Jacarezinho" ou "Gordão", de 43 anos.

A operação foi realizada na Estrada da Gávea, na Rocinha, Zona Sul do Rio, após denúncias de que o criminoso circulava pela região na garupa de uma moto. Ele foi interceptado e, após abordagem e consulta ao Núcleo de Inteligência da UPP/Rocinha, foi constatado tratar-se do traficante Nelson do Jacaré. 

De acordo com a Polícia, o criminoso, que no ano de 2013, gerenciava o tráfico de drogas na Favela do Arará, em Benfica, Zona Norte do Rio, é um dos 11 traficantes envolvidos em um ataque a policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA), em novembro de 2008, no Jacarezinho. Na ocasião, a equipe foi encurralada nos acessos das favelas de Manguinhos e Mandala, quando faziam ronda para reprimir arrastões. Ainda durante o ataque, os bandidos atravessaram um ônibus na Avenida Leopoldo Bulhões. Foram cinco horas de intensa troca de tiros; mais de 500 tiros de fuzil e pistola foram disparados contra a polícia, deixando seis policiais feridos e quatro viaturas destruídas.

Ele chegou a ser preso pelo Batalhão de Operações Especiais (BOPE), no Complexo da Maré (Nova Holanda), em Bonsucesso, saindo em liberdade em 2016.

Nelson Adriano tem sete anotações criminais: três por Tráfico de Drogas; duas por Crime Consumado; uma por Quadrilha ou Bando; e uma por Receptação.

Contra ele ainda havia um mandado de prisão ativo, expedido pela 11ª Vara Criminal da Capital, pelo crime de Tráfico de Drogas e Associação para o tráfico.

Após receber voz de prisão, ele foi conduzido até a 11ª DP (Rocinha) e, em seguida, para a 12ª (Copacabana), onde o mandado foi cumprido. Posteriormente, será encaminhado à Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (SEAP,) onde ficará à disposição da Justiça.

 

O Disque Denúncia recebe informações sobre os envolvidos no tráfico de drogas, nos seguintes canais de atendimento:

• WhatsApp do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099
• Central (21) 2253 1177 ou 0300-253-1177
• APP "Disque Denúncia RJ"



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.