Ver todas as notícias

23_10_2019__0_29bf2207-cbfb-4657-a122-927e6c6ab285.jpg - uploaded/imgs/noticias/23_10_2019__0_29bf2207-cbfb-4657-a122-927e6c6ab285.jpg - Denúncia do Linha Verde leva polícia a identificar loteamento irregular, desmatamento e abertura de estrada em terreno com 50 mil metros quadrados


Denúncia do Linha Verde leva polícia a identificar loteamento irregular, desmatamento e abertura de estrada em terreno com 50 mil metros quadrados

23/10/2019



Cinquenta mil metros quadrados de área degradada foram flagrados nesta terça-feira (22) em Angra dos Reis, após policiais militares lotados na Unidade de Policiamento Ambiental (UPAm) Juatinga terem recebido informações sobre a localização de crimes ambientais feita ao Linha Verde (0300 253 1177), programa do Disque Denúncia voltado para meio ambiente.

Segundo os agentes da 4ª UPAm, após recebimento das informações, procederam às imediações da Rua Sergipe, entre Itinga e Bracuí, onde constataram que no local havia indícios de loteamento irregular, desmatamento e construção irregular em uma área de brejo, já dividida e demarcada em lotes, com abertura de uma possível rua e corte de árvores de várias espécies. No terreno havia uma máquina retroescavadeira parada, mas sem nenhum responsável pelo equipamento. Como não foi possível identificar o autor do ilícito ambiental, os policiais procederam à 166ª DP (Angra dos Reis) onde após perícia no local, a ocorrência foi registrada.

Vale reforçar que em Angra dos Reis, a população pode denunciar qualquer crime ambiental ao Linha Verde, através do telefone 0300 253 1177 (custo de ligação local) ou ainda pelo aplicativo disponível para celulares “Disque Denúncia RJ” onde é possível enviar fotos e vídeos. Em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

LINHA VERDE, o Disque Denúncia do Meio Ambiente.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.