Ver todas as notícias

8_3_2019__0_9337a906-afae-459a-8024-8d85a0914a0d (1).jpg - uploaded/imgs/noticias/8_3_2019__0_9337a906-afae-459a-8024-8d85a0914a0d (1).jpg - Denúncia do Linha Verde leva polícia ambiental a apreender balões e materiais para confecção em Maricá


Denúncia do Linha Verde leva polícia ambiental a apreender balões e materiais para confecção em Maricá

8/3/2019



Nesta sexta-feira (08), policiais militares da Unidade de Policiamento Ambiental (UPAm) do Parque Estadual da Serra da Tiririca, subordinados ao Comando de Polícia Ambiental, apreenderam diversos materiais utilizados para fabricação de balões, em Maricá, na região metropolitana. De acordo com os agentes, as informações e a localização do material foram recebidas pelo Linha Verde (0300 253 1177), programa específico para denunciar crimes ambientais no Estado do RJ.

A denúncia, que foi feita através do aplicativo para celulares “Disque Denúncia RJ” levou os policiais até a Rua São Paulo, em São José de Imbassaí, onde na residência denunciada, os policiais procuraram o responsável do imóvel e, como ele não se encontrava, seu filho, menor de idade, que estava em casa autorizou a entrada dos agentes. Quando o questionaram sobre montagem e soltura de balões, ele informou que fabricava juntamente com seu pai, armazenava os materiais e esporadicamente nos fins de semana, realizava a soltura dos balões em um terreno baldio próximo a residência. Isso exposto, os agentes da UPAm realizaram uma fiscalização no local e apreenderam três balões (um de 9 metros, um de 6 metros e um de 4 metros), 200 lanternas de papel, uma bandeira de papel de 8 x 12 metros, dois maçaricos, uma “boca de balão”, 56 folhas de papel, dois cabeçotes de flechas (um com 12 metros e outro com 8 metros), três buchas cilíndricas e dois quilos de parafina. Diante dos fatos os policiais da UPAm Tiririca procederam até à 82ª DP, onde o caso foi registrado com base no artigo 42 da lei de crimes ambientais e os materiais ficaram apreendidos na delegacia.

Vale frisar que no ano de 2018, com o auxílio de 193 denúncias feitas ao Linha Verde sobre locais de soltura, comercialização de balões e grupos de baloeiros, foram apreendidos pela polícia ambiental cerca de 2200 materiais para confecção dos mesmos, além de 220 balões.

Para denunciar, a população pode ligar de forma anônima para o telefone 0300 253 1177 (custo de ligação local) ou então utilizar o aplicativo “Disque Denúncia RJ” para celulares, enviando inclusive  fotos e vídeos.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.