Ver todas as notícias

17_5_2018__1_Procurados (minimizado) 3.jpg - uploaded/imgs/noticias/17_5_2018__1_Procurados (minimizado) 3.jpg - Disque Denúncia pede informações sobre os envolvidos na morte do Soldado da Polícia Militar Rafael Silva Estevão


Disque Denúncia pede informações sobre os envolvidos na morte do Soldado da Polícia Militar Rafael Silva Estevão

17/5/2018



O Portal dos Procurados do Disque denúncia divulga nesta quinta-feira, dia 17/05, cartaz de – Quem Matou? – para ajudar a Delegacia de Homicídios da Capital – DH – com informações que identifiquem e prendam dos envolvidos na morte do Cabo da Polícia Militar do Rio de Janeiro Rafael Silva Estevão, de 34 anos. Para isso, oferece a recompensa de R$ 5 mil pela captura dos assassinos.

Lotado no Centro de Controle Operacional da Polícia Militar – Cecopom -, o cabo foi morto durante uma tentativa de assalto, na noite do dia 16/05, por volta das 22h40, na Rua Dezenove de Fevereiro - altura do nº 159 -, em Botafogo, Zona Sul do Rio. 
Segundo informações, o policial foi surpreendido pelos criminosos ao sair do seu carro. Ele tentou se desvencilhar, mas foi atingido na região do tórax; morrendo no local. 

 




A Delegacia de Homicídios da Capital (DH) foi acionada. Um inquérito foi instaurado para apurar as circunstâncias do crime e a autoria dos disparos. 

Agentes da DH buscam imagens de câmeras de segurança e testemunhas. 

Nesses cinco primeiros meses de 2018, no Rio de Janeiro, tivemos o registro de 140 agentes de segurança baleados. Destes, 50 policiais militares, 02 policiais civis e 02 agentes da Secretária de Administração Penitenciária (SEAP) não resistiram aos ferimentos e morreram. 

 

 

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização dos envolvidos na morte do PM, favor denunciar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram Portal dos Procurados (21) 98849-6099; pelo facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/, pela mesa de atendimento do Disque-Denúncia (21) 2253-1177 ou pelo Aplicativo para celular “Disque Denúncia RJ” (através do aplicativo é possível anexar, junto ao relato, fotos e vídeos)
O Anonimato é garantido.
Todas as informações serão direcionadas para Delegacia de Homicídios – DH -, encarregada das investigações e do inquérito criminal.   

 



Ver todas as notícias

© 2015 Disque-Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque-Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.