Ver todas as notícias

14_5_2018__1_c9a8da2b-d888-47ea-9b0a-10a255212caa.jpg - uploaded/imgs/noticias/14_5_2018__1_c9a8da2b-d888-47ea-9b0a-10a255212caa.jpg - Disque Denúncia pede informações sobre envolvidos na morte do 52º agente de segurança em 2018


Disque Denúncia pede informações sobre envolvidos na morte do 52º agente de segurança em 2018

14/5/2018



O Portal dos Procurados divulga neste domingo, dia 13/05 cartaz com título – Quem Matou? - para ajudar a Delegacia de Homicídios da Delegacia de Homicídios da Baixada – DHBF - com informações que levem a identificação e prisão dos envolvidos na morte do Cabo da Polícia Militar do Rio de Janeiro Rafael José Pereira, de 34 anos. O Policial estava na corporação havia nove anos. Para isso está oferecendo uma recompensa de R$ 5 mil reais.

Lotado na Unidade de Polícia Pacificadora – UPP/3º BPM/Jacaré, o cabo Rafael, morreu após ser baleado durante uma tentativa de assalto, na  Rodovia Presidente Dutra, em frente à Cidade da Moda (pista sentido São Paulo) bairro Monte Líbano  - Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Ele trafegava pela Rodovia, no interior de um transporte Uber, quando criminosos teriam arremessado pedras no veículo onde ele estava. Ao parar para ver o que tinha acontecido em possível tentativa de roubo, eles foram abordados pelos criminosos. Rafael foi identificado como policial, pelos bandidos, e foi assassinado.

Atingido por três tiros — nas costas, no rosto e um de raspão na orelha, ele morreu no local. Segundo peritos que estiveram no local, o cabo pode ter tentado correr e, por isso, foi atingido nas costas.   Os bandidos fugiram levando a arma dele.

A outra vitima do assalto conseguiu fugir do local e se abrigou em uma residência nas proximidades de onde ocorreu o crime. Ela foi ouvida pela Polícia Civil, que já realizou a perícia no local, para identificar os assassinos. 

Chegamos ao mês de maio e o ano de 2018 já registra 137 agentes de segurança baleados, sendo que 52 não resistiram e acabaram morrendo. Entre os que vieram a morrer, estão 49 da Policia Militar, 02 da Policia Civil e 01 Agente Penitenciário do SEAP. 

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização dos envolvidos, favor informar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/; e pelo aplicativo Disque Denúncia RJ. 

Todas as informações serão direcionadas para Delegacia de Homicídios da Baixada – DHBF - encarregada das investigações e do inquérito criminal.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque-Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque-Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.