Ver todas as notícias

14_4_2018__1_0410e2ac-94ef-4586-8d71-d1a0f43e6eca.jpg - uploaded/imgs/noticias/14_4_2018__1_0410e2ac-94ef-4586-8d71-d1a0f43e6eca.jpg - Pássaros da fauna silvestre que eram mantidos em cativeiro sem autorização são resgatados por policiais ambientais


Pássaros da fauna silvestre que eram mantidos em cativeiro sem autorização são resgatados por policiais ambientais

13/4/2018



Uma denúncia recebida pelo Linha Verde sobre guarda de animais silvestres sem autorização levou policiais militares lotados na Unidade de Policiamento Ambiental Móvel a resgatarem nesta sexta-feira (13) 29 pássaros silvestres mantidos em cativeiro em uma residência localizada em Campo Grande, na Zona Oeste da cidade.

Segundo os agentes que foram checar a veracidade da denúncia, no momento em que a viatura se aproximava do local, na Rua Senador, um dos acusados, ao perceber que seria abordado, conseguiu fugir, enquanto o outro suspeito permitiu que os policiais da 2ª UPAm entrassem na residência. Durante a fiscalização, foram encontrados 29 pássaros da fauna silvestre, sendo 23 tizius, três coleiros, dois canários da terra e um trinca ferro, mas todos sem anilhas de identificação junto ao IBAMA e sem que o dono tivesse as licenças ambientais necessárias. Por esse motivo, os pássaros foram apreendidos e levados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) em Seropédica, onde após tratamento serão devolvidos ao seu habitat natural. O suspeito foi encaminhado à 35ª DP, onde, segundo os agentes, a ocorrência foi registrada com base no Artigo 29 da Lei de Crimes Ambientais.

Vale ressaltar que guarda e comércio de animais silvestres sem licença são crimes ambientais e você pode contribuir com o trabalho da polícia, denunciando ao Linha Verde, pelo aplicativo “Disque Denúncia RJ”, onde é possível enviar fotos e vídeos, além dos telefones 0300 253 1177(custo de ligação local) ou (21) 2253 1177. Em todos esses canais, o anonimato é garantido.



Ver todas as notícias

© 2015 Disque-Denúncia Rio todos os direitos reservados. Criação e desenvolvimento por ASCOM DD Rio.

O Disque-Denúncia é uma parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública com a sociedade civil do Rio de Janeiro.